17 de dez de 2010

O roubo do sino !

Ei, manolo! Em Santo Antônio do Pinhal, sinos de duas igrejas foram malocados roubados. Mas um dos ladrões se arrependeu e devolveu um dos sinos. O vagabundo arrependido, deixou  a res furtiva o sino numa rodovia próxima e ainda com um bilhete. Onde se dizia:  "Estou devolvendo o sino de Santo Antônio do Pinhal, pois sou devoto. A fé faz as coisas impossíveis se tornarem possíveis". Que gracinha! 
O sequestrado sino é do sec. XIX, da época do Império. De bronze e ouro e estava numa torre de 27 m de altura. Não havia sinais de arrombamento na igreja e a escada, que dá acesso ao alto da torre, é estreita. Ou seja, o vagabundo deve ter tido ajuda de alguém que tem acesso às chaves da igreja e teve um trabalho do caralho danado para malocar roubar o sino! A cidade, onde se deu o fato, fica no estado de São Paulo tinha que ser! a 171(número sugestivo, né?)km da capital.

Um comentário:

Ô, manolo !
Faça comentários relativos ao post. Ok?