16 de jan de 2007

"Mineira". Um retorno ao Feudalismo?

Na cidade do Rio de Janeiro, atualmente, o narcotráfico instalado nas favelas e comunidades carentes sofre duros um golpes. Estes são desferidos pela “Mineira”, uma milícia composta por policiais e bombeiros na ativa e aposentados. A “Mineira” expulsa os traficantes das comunidades e garante que eles não mais voltem. Em troca exigem uma certa quantia mensal de cada família além de taxar a entrega do gás e “serviços” como gatos na rede elétrica e do sinal de televisão a cabo. A população dessas localidades aceita de bom grado o “serviço” prestado pela “Mineira” visto que esta a livra do jugo imposto pelos traficantes e afugenta possíveis ladrões reinstalando a ordem.

Vendo esse quadro parece que estamos retrocedendo no tempo. Na época do feudalismo os senhores feudais ofereciam aos camponeses, um pedaço de terra proteção dos salteadores, e em troca estes prestavam serviços e pagavam taxas ao senhor. A ascensão do sistema feudal se deu graças ao enfraquecimento do Império Romano conseqüente das invasões bárbaras. O feudalismo deu tão certo que o Império Romano acabou e os senhores feudais se tornaram os verdadeiros governantes da Europa sendo mais poderosos até mesmo que os reis. Os “senhores mineiros” não dão pedaços de terra mas protegem os “camponeses” dos salteadores que infestam nossas terras. Também cobram taxas por sua proteção cobrando taxas sobre serviços essenciais aos camponeses e aqueles que se recusam a pagar ficam a mercê dos salteadores ou enfrentam a “espada senhorial” ou em casos piores enfrentam as duas coisas.

Pode-se dizer que a população de um modo geral é conivente com a “Mineira”. Sente-se vingada. Afinal a “Mineira” faz o que todos nós temos vontade de fazer com os bandidos. Mas se deixarmos os sentimentos de revanche de lado e formos racionais veremos que isso não está certo. É inegável que a “Mineira” tem feito um trabalho bom expurgando os maus elementos de nossa sociedade. Porém, não há um Estado? Não é obrigação do mesmo fazer o que ela está fazendo? Não é para isso que pagamos impostos? Se a “Mineira” é composta por policiais, por que não fazem o que estão fazendo vergando seus uniformes e dentro de seu horário de serviço? Devemos lembrar que os narcotraficantes, no início, também eram benquistos nas comunidades onde atuavam. Que garantia temos de que compactuando com a “Mineira” não estamos criando uma cobra para nos morder, no futuro?

Rezemos para que o “Império Fluminense”, decadente, se levante e cumpra seu papel para que não sejamos “vassalos” de “suseranos” que poderão se tornar tiranos. Se isto acontecer que existam “burgos” para onde aqueles que estiverem insatisfeitos possam escapar do jugo feudal.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ô, manolo !
Faça comentários relativos ao post. Ok?