6 de ago de 2006


Mineira de Carangola, Denise Frossard está em seu primeiro mandato como Deputada Federal pelo PPS do Rio de Janeiro. Nas últimas eleições, em 2002, foi a Deputada Federal mais votada do Rio de Janeiro, com 385.111 votos, entre 1500 candidatos. Em 1993, Denise Frossard ficou conhecida internacionalmente como a Juíza que colocou na cadeia os 14 mais importantes banqueiros do jogo do bicho.
Durante seu mandato, a parlamentar se destacou pela defesa intransigente da ética na política e foi a única Deputada a abrir mão do aumento das verbas de representação de gabinete, em abril de 2005. No início de 2006, a Deputada já havia devolvido aos cofres públicos a quantia de R$ 106 mil reais.

Programa de governo


• Irá acabar com o caveirão, veículo utilizado pela corporação para ações em favelas do Rio.
O caveirão é a representação material de uma política sem compromisso com a investigação científica e com ações policiais inteligentes.

• Transformará os trens da Supervia em metrôs de superfície e buscará, com o Governo Federal, os recursos da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico) para expansão do Metrô.

• Seu governo terá apenas nove secretarias e não 29, que é o número existente hoje.

• Manterá os hospitais e postos de saúde abertos também à noite, período em que as pessoas adoecem mais e mais crianças nascem.

• É essencial criar mecanismos de acompanhamento dos alunos que vão além das salas de aulas, para alcançar as famílias e as condições sociais do local onde os alunos moram e convivem. É desafiador, mas preciso de uma nova escala salarial, que premie os profissionais do ensino. É prioridade absoluta! Vamos tratar também da UERJ.

• Sua proposta para a Baixada Fluminense tem quatro linhas essenciais: transportes, unidades de saúde, o reconhecimento da baixada fluminense como pólo de desenvolvimento econômico com capacidade de expansão de suas indústrias e a possibilidade de ter, na baixada, centros de ensino profissionalizantes, em parceria com o setor privado e com as prefeituras.

Pontos Negativos

É desconhecida por grande parte da população. Isso sem contar no machismo que nao uqer repetir uma gestão feminina
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ô, manolo !
Faça comentários relativos ao post. Ok?