1 de ago de 2014

Virgindade masculina.




E aí, marujo ! Você já comeu uma boceta viu a verdade nua e rachada de perto ? Se ainda é "invicto" este post é pra nós você !

Em geral, todo virgem tem a crença de que a virgindade é uma espécie de cruz pesada a qual é obrigado a carregar. Que ser virgem o torna inapto a um monte de coisas e que por isso está deixando de aproveitar uma boa parte da vida.

Consequentemente perder o lacre ganha um poder quase mágico. Se tornando um ponto de inflexão na função da vida. É como se a virgindade fosse um véu que não permite ao seu portador perceber as coisas como elas realmente são. É... só que não !

A inépcia sentida  pelo virgem, pelo fato de nunca ter transado, só existe na cabeça dele. Qualquer "ex-virgem" sabe bem que quase nada, na própria vida, muda depois do primeiro contato sexual. Dentre as coisas que mudam está perceber que transar é bom, mas não é lá essa coisa sobrenatural que achava ser !

O caráter transformador, quase mágico, da perda da virgindade está, imagino, justamente no fato do cara perceber que o leão era um gato ! De que transar não era nada tão complexo e cabuloso como imaginava. Que a coisa toda é bem mais simples do que parecia. E que todo o mistério e complicação estava na própria mente.

Mesmo assim, socialmente falando, há algo que torna a virgindade masculina algo muito negativo. Se pedisse pra imaginar um virgem, certamente virá a sua mente sua própria imagem a imagem de um cara tímido, pouco social, reservado, etc. algo bem próximo a tal perfil. É improvável que tenha pensado num cara simpático, falando com todo mundo, etc. Certamente, a maioria dos virgens se encaixa, de fato, no primeiro perfil.

Um cara com uma vida social normal dificilmente tem muitos problemas pra se relacionar com mulheres. Um mais ativo socialmente, mais simpático tem menos problemas ainda. Já um tímido tem problemas até para socializar. Mais ainda para se relacionar com mulheres. Não é à toa que a maioria dos virgens é composta por "aleijados sociais".

Em geral, a associação entre as duas coisas procede. A repulsa que a virgindade masculina causa (principalmente nas mulheres, apesar delas não admitirem)  está no "aleijamento social" que o virgem em geral tem. Acanhamento, insegurança são características muito negativas, principalmente em homens. O problema do virgem não é o fato de nunca ter transado, mas sua inabilidade social. Um sujeito com uma sociabilidade razoável dificilmente seria tachado de virgem mesmo que nunca feito sexo.

Então, marujo, não se preocupe se ainda não transou ou se todo mundo que conhece já o fez. Se você não é tímido, não tem problemas pra se socializar isso é uma questão de tempo. Mas se você é um "aleijado social", preocupe-se em socializar primeiro. Sendo social, se desenvolvendo como pessoa, como homem, mulheres serão uma consequência natural.



Baseado em artigo no Canal do Búfalo



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ô, manolo !
Faça comentários relativos ao post. Ok?