15 de out de 2010

Camisinha, não use!

Desde que ela se popularizou, causa polêmica. Causou uma revolução comparável a da pílula anticoncepcional. A grande maioria defende seu uso. Mas os que são contra dizem o que? No que se baseiam? Vejamos:

Ela não previne as DSTs. A camisinha não diminui a incidência das mesmas. Da AIDS, inclusive. O que de fato faz com a incidência das DSTs diminua é a abstinência sexual e a fidelidade. Em Uganda, se não me engano, foi exatamente isto que fez os índices de contaminação caírem em torno de 25%. Cientistas concluíram que, de fato, esta é a mais eficaz forma de prevenção a AIDS e outras DSTs.



Os jovens não são tão fãs dela, quanto se imagina. Segundo estudos, a maioria deles geralmente a despreza quando num relacionamento estável, num namoro, por exemplo. Logo, vemos que ela não é usada como contraceptivo. Outros (uns 30%) já tiveram relações com desconhecidos(as) sem usar o preservativo. Mesmo sabendo dos riscos.

A Igreja também não a recomenda. Pois facilita, e muito, as pessoas, principalmente os jovens, a terem um comportamento sexual insalubre e desregrado. Ora, então antes dela, todos eram “santos”, não havia sacanagem? Claro que havia (tanto ou mais como hoje.)! E a sífilis matava a rodo! Não havia nada que facilitasse como a camisinha facilita.

A AIDS se alastra porque a Igreja proíbe seu uso. 1º, A grande maioria das pessoas que sai transando por aí está cagando para o que a Igreja diz. Ou seja, se Ela proibir ou liberar isto ou aquilo, pouco lhes fará diferença. 2º, A AIDS se expande mais nos países da África Subsaariana, que são, predominantemente, de religião islâmica. Já ouviu algum xeque defendendo o uso da camisinha?

Gasto de dinheiro público. Já não basta o que a corrupção leva e o governo ainda gasta fortunas distribuindo camisinhas de graça. Pegam o nosso dinheiro para pagar a diversão dos outros! Isto é errado! Se o governo quer elas fiquem mais baratas, abaixe os impostos incidentes sobre as mesmas.  

O grande problema não é a camisinha. Mas a promiscuidade. De modo que seu uso é como uma faca de dois gumes. Pois pelo fato dela proteger contra muitas DSTs, faz com que muitos se exponham a mais riscos. Como alguém que para se proteger de assaltos passa a usar uma armadura medieval. Certamente estará bem protegido. Mas vira um imenso alvo!

ANGELVS PACIFER
MAGIS ET MAGIS !











6 comentários:

  1. Adorei seu post!! Ri da parte da armadura.. e tenho que concordar com vc...

    ResponderExcluir
  2. Concordo não.
    A camisinha é a salvação da lavoura.
    Dá pra namorar à vontade =D

    ResponderExcluir
  3. ih cara...tem colocar a capinha...dá não
    ta sinistro o negoço

    ResponderExcluir
  4. LOL tudo que o governo recomenda não é a NOSSO favor!

    ResponderExcluir
  5. Concordo não.
    A camisinha é a salvação da lavoura.
    Dá pra namorar à vontade =D

    ResponderExcluir
  6. Que post ridículo cara! Se liga, se liguem, post ridículo, medíocre

    ResponderExcluir

Ô, manolo !
Faça comentários relativos ao post. Ok?